México desafia hegemonia dos EUA e aumenta comércio agrícola com Brasil

Para fazer o DOWNLOAD, clique nos três pontinhos à direita da barra de áudio

Acomodados com a facilidade da logística de importar grãos dos Estados Unidos – afinal, é só buscar do outro lado da fronteira – durante muitos anos os mexicanos mantiveram um tabu contra a simples ideia de experimentar produtos agrícolas de outros competidores, como o Brasil.

O México não se importava com a realidade de que 45% dos seus alimentos vinham de praticamente um único fornecedor. A chegada de Donald Trump ao poder forçaram renegociações, mudaram o cenário geopolítico e a disposição dos mexicanos.

Quem ganha com isso é o Brasil e isso não vem de hoje não, explica Marcos Tosi, Integrante da Expedição Safra, projeto técnico/jornalístico criado pela Gazeta do Povo. Tosi esteve em meados de maio acompanhando a realidade do agronegócio asteca.

Saiba mais: www.expedicaosafra.com.br

Para mais informações: www.paranacooperativo.coop.br

Com informações da Gazeta do Povo

Imagem: Marcos Tosi/Gazeta do Povo