Morte de Roberto Leal alerta para a importância de se prevenir o Câncer Melanoma

Para fazer o DOWNLOAD, clique nos três pontinhos à direita da barra de áudio

O cantor português Roberto Leal morreu no último domingo, ao 67 anos, de um tipo raro de Câncer de Pele chamado Melanoma. Para surpresa de muitos, este tumor se espalhou por outras partes do corpo do cantor, num processo conhecido como Metástase.

Por isso, a SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) faz um alerta: o Câncer de Pele não pode ser subestimado nunca! Ouça o que tem a dizer a respeito a Médica Jade Cury Martins, Coordenadora do Departamento de Oncologia Cutânea da SBD.

Imagem: Divulgação