Nova tecnologia no trigo facilitará manejo de ervas daninhas

Para baixar o áudio, clique nos três pontinhos à direita

O Manejo Integrado de Plantas Daninhas (MIPD), ferramenta essencial de controle dentro do sistema produtivo, vem enfrentando dificuldades, especialmente pela resistência de muitas espécies consideradas inimigas do sistema produtivo a diversos ativos herbicidas. Entre os motivos da preocupação estão as perdas ocasionadas pela matocompetição, incluindo a competição por elementos essenciais como água, luz, nutrientes e espaço físico.

Em seu nome próprio – Planta Daninha – já se refere ao principal motivo: causa danos que refletem no bolso do agricultor. Nas lavouras de trigo, a aveia e o azevém podem ser responsáveis por até 50% de perdas na produtividade, segundo dados da Fundação ABC. No Show Rural Coopavel, uma tecnologia inédita para a cultura do trigo no Brasil foi apresentada comercialmente, para auxiliar os triticultores a controlar essas infestações. TBIO Capricho CL é a primeira cultivar com a tecnologia Clearfield® no país, resultado de uma parceria entre a Biotrigo, desenvolvedora da plataforma genética e a BASF, detentora da tecnologia. Conversamos com Rafael Milleo, Gerente de Desenvolvimento de Mercado da BASF.

Saiba mais: www.biotrigo.com.br

Imagem: Rafael Oppelt/Coagril