Cinco medidas para incentivar a manutenção de empregos

Para baixar o áudio, clique nos três pontinhos à direita

Conforme se estende o período de isolamento social, mesmo com o comércio reabrindo, os empreendedores buscam alternativas para não precisar fechar as empresas. Alguns optaram por demitir os funcionários, reduzindo o custo fixo da folha de pagamento. O Professor Universitário e Especialista nas Áreas Tributária, Contábil e de Controladoria, Marco Aurélio Pitta (foto), diz que é muito difícil manter empregos em uma crise desse tamanho, mas acredita que um esforço coletivo pode reduzir o número de demissões agora. Ele cita cinco medidas que podem ajudar.

Imagem: Divulgação