Síndrome de Ménière não tem cura, mas tem tratamento

Para baixar o áudio, clique nos três pontinhos à direita

Vamos ouvir hoje a última parte da entrevista que fizemos com Patrícia Carla de Oliveira (foto), Professora de Anatomia e Fisiologia da Escola Superior de Saúde, Biociências, Meio Ambiente e Humanidades de uma universidade de Curitiba/PR, sobre a Síndrome de Ménière, doença conhecida da Ciência desde o Século XIX, caracterizada como um distúrbio crônico no ouvido interno e que tem como um dos seus nomes, Hidropsia Endolinfática.

Imagem: Divulgação