Como um paciente de Covid-19 deve ser tratado, considerando sequelas

Para fazer o DOWNLOAD, clique nos três pontinhos!!!

Estudos apontam que cerca de 80% dos pacientes de covid-19 que se recuperam apresentam algum tipo de sequela até quatro meses depois da infecção. Uma das características mais marcantes da doença é que elas não se limitam a uma parte do organismo, mas atingem diversos sistemas. Uma revisão de literatura publicada pela revista Nature apontou pelo menos oito áreas que podem ser comprometidas pela infecção e que vão de sequelas cerebrais a dermatológicas.

Mariane Rigo Laverdi, Doutora em Ciências da Saúde e professora universitária, explica como deve ser a recuperação de um paciente acometido pelo coronavírus, considerando este quadro.

Imagem: Divulgação