Hospital que atende o SUS reúne histórias de superação e comprometimento social que vão além da Covid-19

Para fazer o DOWNLOAD, clique nos três pontinhos!!!

A técnica em enfermagem Maria Olinda Alves Stoco perdeu a conta de quantos pacientes já atendeu em duas décadas como profissional da linha de frente do sistema de saúde. Hoje, com 51 anos, ela dedicou quase metade de sua vida a salvar a dos outros, sem nunca esquecer o porquê de ter escolhido essa profissão, a qual chama de “chamado divino”. Maria Stoco trabalha num dos mais tradicionais hospitais de Curitiba, que atende 100% pelo SUS, e que agora em 2021 recém completou 63 anos.

Enfermeira do Centro Cirúrgico do mesmo hospital, Nadira Francisca dos Santos viu a instituição como uma porta de entrada para uma nova realidade em sua vida. Vinda de uma família pobre, o hospital lhe deu uma oportunidade que mudou completamente sua vida. Ela conta uma história que lhe marcou muito dentro das centenas de plantões das quais já participou.

Imagem: Projeção/Divulgação